Transparência no Congresso

“O país exige do senador da República que esses tipos de votação e sessão sejam abertas. Devemos fazer como a sociedade quer: tudo às claras”.

O Congresso brasileiro também passou por uma série de crises nos últimos anos. Vários parlamentares sofreram acusação de irregularidades e uso indevido de recursos públicos. Em todos os casos, no entanto, José Agripino esteve ao lado da opinião pública. Sempre exigiu as punições cabíveis, com transparência e amplo direito de defesa nos processos de julgamento de parlamentares acusados. O presidente nacional do Democratas, por exemplo, lutou pelo voto aberto – e não secreto – tanto nas sessões do Conselho de Ética como nas do Plenário, que decidem sobre cassação de parlamentares. “O país exige do senador da República que esses tipos de votação e sessão sejam abertas. Devemos fazer como a sociedade quer: tudo às claras”.